RONI SANCHES Mentoria 2.0

Obtenha as Minhas 4 Principais Estratégias para um faturamento de 50k na fotografia

O SEGREDO dos FOTÓGRAFOS que GERAM de 15 à R$50 mil por mês, todos os meses do ano!

O que vou te apresentar agora é a oportunidade para você fazer...


parte do seleto grupo de fotógrafos que conseguem gerar resultados de 10 a R$15 mil por mês todos os meses durante o ano.

Eu estou falando de um faturamento de R$120 mil por ano/média e mais, estou falando da oportunidade de você ser valorizado pelo seu trabalho, lotar a agenda de clientes fãs, ter estabilidade financeira para viver só da fotografia e ser referência no mercado.

É muito importante você entender o seguinte: hoje existem basicamente dois tipos de fotógrafos, aqueles que são reconhecidos no mercado, geram resultados acima de 10 mil por mês e aqueles que não conseguem decolar na carreira e ficam bem abaixo disso.

O que vou te apresentar aqui são os segredos desse grupo de elite da fotografia.

Mas antes de eu te mostrar isso, deixa eu te contar algo importante:

Dias atrás me peguei pensando na vida de um fotógrafo, de como ele era feliz e realizado. Esse cara começou a fotografar na sala de sua casa e hoje é dono de um dos maiores estúdios de SP, vive com a agenda lotada, cobra muito bem por seus serviços… e vive uma vida dos sonhos.

Ele viaja para lugares incríveis do mundo, passa o réveillon em lugares fantásticos, tem tempo para fazer academia, jogar tênis e curtir a família, todo dia vai à pé buscar sua filha na escola, frequenta bons restaurantes, enfim, faz tudo aquilo que gosta de fazer e lhe dá prazer, simplesmente porque atingiu a liberdade financeira fazendo o que mais ama fazer, que é fotografar!   

E sabe quem é essa cara? Sou eu! Sinceramente me emocionei quando, sem perceber, fiz essa retrospectiva da minha vida e, nesse momento, me passaram duas coisas: um enorme sentimento de gratidão por tudo que tenho vivido e uma ideia fixa na cabeça:

Todo mundo merece viver uma vida dessas e eu preciso contar para as pessoas como fiz para conquistar tudo isso!

Nos últimos 10 anos realizei mais de 5 mil ensaios entre gestantes, recém-nascidos e bebês. Isso sem contar os ensaios de book pessoal, família, acompanhamento do bebê, etc. Literalmente “queimei o obturador” da câmera de tanto fotografar. 

Propiciei a centenas de gestantes a elevarem sua autoestima para lua, fiz centenas de pais se emocionarem ao ver seu bem mais precioso dormindo aquele sono gostoso, enquanto eu fazia o registro daquele momento mágico. 

 Ajudei dezenas de fotógrafos a elevarem sua fotografia para o próximo nível. Eu literalmente ajudei alguns fotógrafos a fazer fotos incríveis e a se posicionarem como os melhores da sua região. E muitos deles começando do ZERO. Apesar desse número, eu preciso confessar que eu não fiz nada de muito complicado e eu vou te mostrar em detalhes o que eu fiz para chegar onde chegamos.

Eu nunca mostrei esse passo a passo pra ninguém. Isso nunca veio a público. Por isso realmente espero que você aproveite essa oportunidade.

Vou compartilhar com você agora os bastidores do que fiz para deixar de ser um dono de restaurante estressado e sem tempo para nada e me tornar um fotógrafo de sucesso e o que tenho feito para ajudar centenas de profissionais a trilharem o mesmo caminho.

Muitas pessoas sabem que eu já fotografei milhares de famílias, mas o que a maioria não sabe é que eu sempre cobrei muito bem por cada foto, sem dar desconto e com clientes desesperadas para entrar na nossa fila de espera. 

Esse é um feito memorável na área da fotografia e muitos me perguntam qual é o segredo de tanto sucesso. 

Mas antes de eu te mostrar isso, deixa eu te contar algo importante:

Porque, por mais que alguns me chamem de "O Homem do Newborn", a verdade é que tudo o que eu faço é simplesmente seguir o método que criei e ir sempre aprimorando esse processo.

Todo mundo acha que se tornar um fotógrafo e fazer boas fotos é difícil, mas isso não é difícil. 

O que realmente é difícil é criar uma presença no mercado e uma forma de trabalhar que te dê um faturamento constante, capaz de te satisfazer financeiramente, para que você possa se dedicar somente a isso, sem ter que se preocupar com as contas chegando e sem precisar fazer outra coisa para complementar a sua renda. 

Preciso te contar a minha história. 

Fui criado em uma família humilde de classe média baixa na zona leste de SP. Tenho 2 irmãos e 1 irmã, sou o do “meio”. 

Meu pai sempre foi empreendedor, aprendeu num curso à distância a consertar televisão (é verdade, naquela época já existia cursos à distância, só que pelo correio) e ele tinha uma oficina onde trabalhava muito para sustentar a casa. Além do amor e carinho dos meus pais, nunca tive nenhuma ajuda financeira para realizar meus sonhos e minhas conquistas. 

No ano de 1989, eu estava com o saco cheio do Brasil e, por achar que aqui eu não tinha futuro (eu era um típico jovem revoltado ouvindo Legião Urbana e Inocentes rsrs), decidi, aos 19 anos, ir atrás de um sonho: viajar de avião pela primeira vez e conhecer o mundo. 

Olha só que loucura: larguei um emprego no banco, vendi a minha moto Yamaha DT180, juntei com o dinheiro da rescisão e algumas economias e consegui comprar passagem para os EUA e mais 1000 dólares para me custear lá. Fui sozinho para os EUA e depois para Europa.

Foi uma experiência fantástica, comprei minha primeira câmera profissional (Minolta Maxxum 7000) e aprendi a fotografar e a amar este instante de segundo que vira uma imagem e que depois vira uma lembrança que constrói a nossa história.

Precisei te contar sobre essa viagem, porque ela definitivamente marcou a minha vida. Eu sinto que foi a partir dela que passei a amar ainda mais a fotografia e, o mais importante, foi nesta viagem que eu tive a certeza de que qualquer sonho, por mais maluco que seja, se eu o desejasse de verdade, conseguiria realizá-lo.

Muitas pessoas sonham em viver da fotografia, não é mesmo? Mas por que somente poucas pessoas conseguem viver esse sonho?

O que diferencia as pessoas que conseguem ganhar dinheiro e viver bem de fotografia daquelas que vivem tentando, mas nunca conseguem emplacar? 

Por que há pessoas que quando olham uma foto bonita pensam: “Um dia ainda vou viver da fotografia!”, mas entra ano e sai ano e nada muda, elas não conseguem dar um passo?

Eu espero que você esteja lendo com muita atenção para não perder isso. Fica aqui comigo, que eu vou lhe explicar como fiz para chegar lá.

Depois de quase um ano no exterior, bateu uma baita saudade da família e resolvi voltar para o Brasil. 

Você imaginou que eu voltei para ser fotógrafo, não é verdade? Mas não.

As fotos da fachada do restaurante que, obviamente, também fui eu quem fiz, rsrsrs.

 

Tudo em mim era foto, vivia em exposições e fotografava em todos os meus momentos livres. Se você me encontrasse em qualquer lugar, sempre ia me ver com uma câmera na mão.

 

E foi nesse ponto, no final de 2006, que a Dri entrou em minha vida.

 

A Dri era uma menina de 26 anos inteligente, bonita, sensível e de muita determinação que, de alguma forma, acreditava que eu poderia fotografar profissionalmente e que as minhas imagens teriam importância e fariam a diferença na vida das pessoas, assim como faziam na minha. 

 

Sinceramente, agora é fácil falar que deu certo, mas naquela época, quando ela me via atrás daquele caixa do restaurante estressado e sem tempo para nada, era impossível prever onde conseguimos chegar…

Naquela época eu trabalhava muito, de 12 a 14 horas por dia, sem finais de semana e aquela rotina era bem cansativa.

Para a minha sorte, a Dri já era cliente e fã do meu restaurante e amava a nossa comida, o que me ajudava porque, sem tempo para levá-la para jantar, ali mesmo nós nos encontrávamos.

Eu só tinha uma certeza: Que iria trabalhar para mim e não para os outros, porque esse seria o melhor caminho para realizar os meus sonhos. E, com apenas 20 anos, resolvi abrir uma escola de ensino supletivo porque sempre acreditei que a educação é o principal fator de transformação do ser humano. 

 

Depois disso, ainda fugindo do que mais amava fazer, que é fotografar, fui para o ramo de alimentação e criei um restaurante. Mas o mais interessante é que eu pensava assim: No meu restaurante vou fazer as melhores fotos dos produtos. 


Eu confesso que já estava cansado daquela situação de não ter tempo para nada, muito menos para casar e constituir uma família, então comecei a pensar em mudar de ramo, mesmo o restaurante sendo um excelente negócio, eu queria algo além do dinheiro, eu queria ter também qualidade de vida, queria ter tempo para viver.

Você já se sentiu querendo mudar de área, mas sem saber direito para onde ir?

Você já se sentiu assim, meio frustrado com seu trabalho, querendo mudar para um ramo que, além do retorno financeiro, também desse qualidade de vida? Algo que, em toda segunda feira, você sentisse uma baita alegria, porque sabe que o seu trabalho é muito prazeroso e gratificante?

Eu já tinha pensado algumas vezes em me profissionalizar na fotografia, mas sempre vinham aquelas dúvidas: 

Será que dá para ganhar dinheiro com fotografia?

Será que vou ter clientes suficientes para sustentar nossa família? 

E se ninguém gostar das fotos? 

E se não conseguir vender por um preço legal? 

E se a concorrência for muito grande? 

E se eu não for bom o suficiente nessa área? E se, e se, e se... e sempre deixava essa ideia de lado.

Até que um dia a Dri me falou: Porque você não se profissionaliza em fotografia e vai de uma vez para essa área? 

Confesso que eu comecei a dar um monte de desculpas, aquela choradeira toda, comecei a dizer que não tinha tempo, que não tinha confiança, um monte de mimimis, etc. 

Foi aí que ela olhou bem nos meus olhos com aquele olhar ameaçador e me disse: “Ou você se profissionaliza ou vai se ver comigo!” 

Sabe o que eu fiz? É lógico, fui estudar fotografia e começar a planejar o novo negócio, porque manda quem pode e quem é esperto obedece, rsrsrs.

Dias depois lá estava eu, aos 38 anos, novamente estudando para aprender tecnicamente o que eu mais amava fazer. 

E aí o impensável aconteceu (impensável mais ou menos, né? rsrs). Eu já estava casado, com um conhecimento muito maior da fotografia quando descobri: “Vou ser pai!”  Gente, como posso definir o que isso significava pra mim em meus plenos 40 anos? 

Foi naquele momento que eu percebi o maior e mais forte motivo para fazer de tudo para dar certo na fotografia. O amor por aquelas duas mulheres me motivava mais que tudo na vida para correr atrás do meu grande sonho: viver bem da fotografia! 

 E você, o que te motiva? O que mexe com o teu coração e te faz ter força para ir atrás dos seus sonhos?

Eu já fotografava profissionalmente arquitetura e paisagem, mas no momento que a Dri engravidou, só conseguia fotografá-la porque toda paisagem parecia ficar muito mais linda com a minha grávida em primeiro plano. 

Essa experiência foi tão profunda para mim, que minha decisão já estava tomada: 

Dedicar a fotografar famílias, porque estes eram os momentos que amaria retratar. 

Se fiz milhares de fotos da Dri grávida, você consegue imaginar quando chegou a Ana Clara então? Nossa, eu quase derreti a câmera de tanto clicar a minha princesa. 

Só que ainda havia um longo caminho, pois comecei o meu negócio na fotografia investindo principalmente em formação, e aqui está um grande segredo.

Antes de continuar te explicando exatamente qual foi o passo a passo que me levou ao sucesso, preciso esclarecer que estou te contando a minha história para que você consiga entender como surgiu o meu método, mas que ser casado e ter filhos nem de longe é um pré-requisito para ser um fotógrafo de sucesso nessa área de ensaios de família. Muito pelo contrário, conheço fotógrafos extraordinários que nem são casados e nem tem filhos. 

Continuando. Agora preciso que você preste muita atenção, porque este é um ponto crucial, foi quando eu percebi que ter somente o conhecimento técnico de como fazer fotos não bastava. 

 Eu percebi que precisaria de muito, muito, muito mais bagagem para chegar lá, porque não tinha nenhuma experiência em:

Como montar um estúdio;

Como fazer um portfolio vendedor; 

Como divulgar as minhas fotos;

Como precificar o meu trabalho;

Como criar uma marca registrada do meu trabalho;

Como me POSICIONAR no mercado.

Eu também não sabia nada sobre:

Como agregar valor ao cliente;

Como vender valor ao invés de vender preço;

Não entendia muito de tratamento de imagens;

Não entendia de cuidados com bebês e grávidas;

Não entendia de produção de grávidas;

Não sabia como cobrar pelo trabalho sem ceder à choradeira por desconto;

Como começar um Estúdio com pouco investimento. Etc...

Além de tudo isso, estava começando sozinho, sem ninguém para me orientar, e preciso confessar que tenho vergonha de muitas fotos do meu início de carreira.

Mas como tudo tem que ter um começo, sabe como nós começamos? 

Em 2009, na sala de casa, em um espaço de uns 15 m², improvisando com o rack da TV para expor os álbuns e o quarto da nossa filha servindo de camarim. Eu pintei uma parede e fiz um “varal” para pendurar os fundos, que eram tecidos brancos ou pretos. 

A Ana Clara tinha acabado de nascer e, como você bem sabe, nessa época surgem despesas de todo lado, então comecei somente com o que tinha, além de uma câmera Canon T2i, uma lente 50mm e duas tochas da Digiflash.

Nesse primeiro ano eu ainda quase não ganhava dinheiro, porque só pingava um book aqui e outro ali. Mas, para a nossa alegria, o meu trabalho foi crescendo e ficando cada vez mais conhecido (descobri a internet e o Google, naquela época ainda tinha o Orkut rsrsrs) e chegou o final de 2010, fiz algo inimaginável: faturei R$ 7.000,00 com fotografia!

Foi aí que eu percebi o quanto era lucrativo fazer

aquilo que eu mais gostava de fazer

 

Imagine, há quase 10 anos atrás ganhar em um mês R$ 7.000,00, que equivale hoje a cerca de R$11.500,00 de hoje?

 

Se eu soubesse que era tão bom assim

já teria entrado na fotografia há muito tempo!

 

Trabalhar sem patrão, fazendo algo que te dá um prazer enorme e ainda ganhar muito bem!

Lembro que naquele final de ano fomos para Florianópolis e eu estava com um sorriso no rosto que não dá nem para descrever... Afinal, além de ser um recém pai fresco e estar recém-casado com a mulher que eu amava, era o primeiro réveillon que seria pago somente com meu serviço de fotografia, eita coisa boa!

Bom, para resumir um pouco a minha história: daquele final de ano em diante, tive a certeza que dava para viver bem da fotografia e resolvi investir minha energia nela. 

Meu único arrependimento era pensar que se eu não tivesse relutado tanto, por tantos anos, e tivesse entrado de cabeça na fotografia muito antes, já poderia estar desfrutando dessa vida há bastante tempo.

Mas qual é o jeito correto de crescer? Muitos dizem que é preciso ter sorte, outros dizem que é preciso trabalhar dia e noite sem parar.

Eu digo que é preciso um passo de cada vez,

mas na direção certa, com as informações certas.

Ali mesmo, na Vila Diva onde eu morava, conheci um fotógrafo que inspirado no meu sucesso, investiu bastante dinheiro para montar um estúdio e, em menos de 6 meses, teve que fechar as portas e vender tudo a preço de banana, porque não se preparou, não buscou orientações com alguém da área que já tivesse sucesso e quis dar um passo maior que a perna. 

Ele alugou um lugar enorme sem ter uma clientela que desse sustentação para aquilo e… foi tudo para o brejo. 

Porque ninguém quer ser um fotógrafo pensando que não vai dar certo.

Todo mundo pensa: “Eu vou ser um Sucesso!”

No ano seguinte, saímos da sala de casa para um estúdio de 60 m² com uma estrutura bacana, com recepção, camarim, set com uma janela de luz natural, enfim, as coisas começaram a criar corpo.

Mas atenção, muito cuidado, porque é exatamente nessa hora que muitos fotógrafos se perdem, sabe por quê? Porque é fundamental que o profissional tenha noções de educação financeira e de administração de negócios. E isso, modéstia a parte, eu tinha. 

Minha formação técnica em contabilidade aliada às minhas experiências daquela viagem ao exterior ainda bem jovem, e depois uma vida inteira de empreendedorismo me deram uma boa educação financeira, o que é vital para qualquer empreendimento ter saúde e sucesso longo.

Conheço um fotógrafo bem conceituado que por falta de conhecimento na área de gestão de negócios e educação financeira, teve que se desfazer do seu estúdio e voltar a fotografar na sala de casa.

Não que isso seja ruim, também há o lado bom, porém quem não arrisca e não sai de sua zona de conforto, também não cresce e não evolui. E na sala de casa não tem como evoluir muito na carreira.

O mais engraçado dessa minha nova fase é que os meus amigos me chamavam de burro para baixo: “Como é que pode? Um cara com um baita restaurante daqueles, se enfiar num negócio de ficar tirando fotos de grávidas? Quem é que vai querer esse serviço?” Rsrsrs.

O que eles não sabiam é que naquele estúdio na av. Sapopemba eu já lucrava mais do que no meu restaurante, trabalhava muito menos e já sobrava muito mais tempo para curtir a minha família. Cara, eu já estava vivendo uma vida dos sonhos! 

Aí caiu mais uma ficha: quer dizer, então, que a fotografia, além de ser uma profissão altamente lucrativa e prazerosa, ainda tem esse “bônus” do reconhecimento do meu trabalho? Que fantástico! 

 

Porque demorei tanto tempo para entrar nesse ramo?

 

Agora tem um detalhe importante: o fato de começar a virar autoridade na área trouxe junto a necessidade de evoluir e crescer para dar conta de atender toda a nova demanda. 

 

Caro leitor, preste atenção agora: é nessa hora que eu também vejo muitos profissionais estagnarem o seu projeto.

 

Por quê isso acontece? Porque é muito mais fácil permanecer ali na sua zona de conforto, ao lado de casa, e continuar fazendo as mesmas coisas, no mesmo lugar, ganhando muito bem e... começar a gastar cada vez mais, subindo o seu padrão de vida sem parar, até começar a não sobrar $$ no bolso no final do mês.

 

Parece difícil alguém fazer isso? Tenha certeza de que não é. Na verdade, é muito fácil e simples. Basta a pessoa não ter tido educação financeira antes de começar a ganhar dinheiro.

E chegou aquele momento em que tive que tomar uma decisão: ou eu iria atrás de mais conhecimentos e investiria em minha formação para atingir outro nível dentro da fotografia..., ou ficaria ali, só curtindo a vida boa que a fotografia já estava me proporcionando no conforto do meu estúdio na Sapopemba, à apenas 50 metros de casa. 

Que dura decisão! Ter que escolher entre o excelente ou o ótimo!

Eu escolhi a primeira opção. E, assim, comecei a planejar o próximo passo: ter um estúdio modelo em SP, onde tivesse condições de desenvolver um trabalho até o ponto mais alto onde pudesse chegar. 

Em meados de 2013, após pesquisar vários imóveis na região, fazer os estudos sobre os investimentos necessários e calcular muito bem o passo que eu iria dar, nos mudamos para o nosso estúdio atual, um dos maiores de SP.

São 430 m² de área, com um lindo bosque interno, sets exclusivos para cada tipo de sessão, camarim, closet, ampla recepção, ilha de tratamento de imagens, enfim, este foi mais um grande sonho sonhado e realizado!

Ter sets separados para fotografar pessoas e para fotografar bebês, não é obrigatório, mas como podia escolher, queria essa exclusividade porque essa área de fotografia Newborn tinha acabado de chegar ao Brasil e eu era um dos pioneiros, então um set exclusivo me permitiria desenvolver meus próprios métodos para cada etapa desse minucioso trabalho com bebês.

Continuando a jornada, nesse novo estúdio a agenda lotou de vez, tive que contratar e treinar outros fotógrafos para me ajudarem, passei a dar entrevistas em vários programas de TV, quase todos os canais de TV aberta vieram ao nosso estúdio gravar programas, fiz palestras, dezenas de exposições, Com muito prazer participo dos programas da Ana Maria Braga, do Rodrigo Faro, da Eliana, da Claudete Troiano, do Bom dia SP e muitos outros, fotografo muitas celebridades, jornalistas, cantores, gente do esporte, enfim, algo totalmente inimaginável há 10 anos, quando comecei.

 

Pode parecer que foi fácil, mas quantos iniciaram na área na mesma época que eu e por não fazer as escolhas certas não estão mais fotografando?

Estou apenas querendo dizer para você, que se eu, que comecei na sala de casa e sem recursos consegui, qualquer pessoa que seguir este método também consegue

Se prepare, porque se você resolver seguir o meu método, a chance de você virar referência e ficar famoso na sua região é muito grande!

Como eu sempre digo, o reconhecimento que a fotografia nos proporciona, não paga as contas, mas que é muito bom, isso é. E não tem nada que pague o prazer de ver o rosto das pessoas iluminado de tanta felicidade e gratidão quando vê o resultado das fotos.

Você quer saber o que aconteceu com o meu restaurante? Assim que o estúdio começou a dar mais lucro que o restaurante, eu o vendi, isso foi no final de 2011. Afinal, não fazia sentido deixar aquela vida maravilhosa que a fotografia estava me proporcionando para continuar na correria do restaurante. 

Dessa época em diante fui criando rapidamente minha liberdade financeira. É óbvio que não foi tudo perfeito, também tive percalços no caminho e tive que ir aprendendo com os próprios erros, principalmente porque não tinha ninguém que pudesse me orientar sobre como fazer certo já na primeira vez.

Tudo o que conquistei e a vida maravilhosa que levo hoje,

devo à Deus principalmente e a fotografia.

Em 2019 a fotografia me proporcionou realizar um antigo sonho: lembra-se lá no começo da minha história, aos 19 anos, quando viajei para os EUA e para a Europa de mochilão? 

Naquela época, prometi para mim que só voltaria para esses países se fosse em uma situação diferente, com conforto e liberdade para ir aos restaurantes e lugares que quisesse, com dinheiro no bolso e uma família maravilhosa junto. Parece até que eu estava prevendo o futuro!

Agora, após ter viajado a turismo para os EUA diversas vezes, para a Europa e até para a Austrália (outro sonho daquela época de menino que realizei), resolvemos ir mais longe e nos mudamos para a Europa. 

Hoje vivo com minha família confortavelmente no Porto, em Portugal, uma das melhores cidades do mundo para se viver.

Caro leitor, por que estou te contando tudo isso? Só para me gabar? Claro que não. 

Só estou abrindo minha vida aqui, como se fosse uma mala velha, porque quero que você perceba que sou exatamente igual a qualquer pessoa comum, tive as mesmas dificuldades, não nasci em berço de ouro, não tive ajuda dos pais, nada disso. 

 Essa é uma prova de que o sucesso está disponível para todos, é só você querer!

 Mas tem algo que me motiva muito mais que o retorno financeiro, aliás, isso não tem preço: é o bem que faço às pessoas com esse trabalho.

 Realmente não se trata de apenas fotografar reproduzindo os clichês que todo mundo usa. É muito mais do que isso. 

 

Trata-se de captar a essência da pessoa, no seu melhor ângulo, com a melhor luz, com a melhor direção da modelo e, principalmente, captar a emoção, o sentimento que a mãe, pai estão sentindo pelo seu filho mesmo antes dele nascer. 

 

Mas esse ainda não é o meu propósito principal na fotografia de gestantes e recém-nascidos. 

 

Quando fotografo, meu foco principal está em quem ainda nem nasceu ou acabou de nascer há poucos dias.

 

Se essas fotos fazem um bem imenso para o casal, imagine o que é capaz de fazer por esse bebê quando ele crescer e olhar para essas imagens? 

 

Logo no começo da minha carreira tive um colaborador jovem aprendiz que veio de uma família muito pobre, seus pais eram separados e sua mãe trabalhava como empregada doméstica para sustentar a casa. 

 

Certo dia, observei-o olhando nossas fotos de gestantes e bebês e percebi que ele estava emocionado. Quando me aproximei para saber o que se passava, ele disse que achava que seus pais não o amavam igual o amor que ele estava vendo naquelas fotos. 



Poxa, eu havia conversado com a mãe dele e sabia que ela o amava mais do que tudo neste mundo, que ela fazia tudo que podia por ele, mas ele não tinha noção disso!

 



Nesse momento eu entendi qual era meu propósito.

 

A ciência já comprovou que a maior parte dos problemas psicológicos de um ser humano se origina nos primeiros meses de vida. 

 



Então, você sabe o que essas fotos irão significar na vida dessa criança quando ela crescer? 



 

Ela vai ter uma prova irrefutável do amor que os seus pais tiveram por ela, antes mesmo dela nascer. 



 

Ela vai ter a plena certeza de que foi muito amada e desejada para vir a esse mundo. 

 

Ela sempre terá essa “carta na manga” e, quando olhar essas fotos, terá a certeza de que foi, sim, muito amada e desejada pelos dois, pela mãe, pai, ambos. 



 

E a certeza do amor de seus pais irá torná-la um adulto muito mais confiante, mais seguro, bem resolvido, mais tranquilo, mais determinado. 

 



EU ACREDITO NISSO!

 

Esse é o meu propósito, ajudar a criar uma geração de pessoas melhores que nós. 

 



É por isso que eu costumo chamar esse tipo de fotografia de FOTOGRAFIA DO BEM

 

Resumindo: comecei a fotografar na sala de casa, logo encontrei meu propósito dentro desse trabalho que me motivou ainda mais a crescer e a estudar, desenvolvi um método, cresci de uma forma exponencial e obtive um retorno financeiro muito bom que me permitiu viver uma vida dos sonhos e ir morar na Europa em um espaçoso apartamento próprio. 

 

 

Ou seja, a fotografia me deu tudo que tenho, sou extremamente grato por isso e quero retribuir todas as graças que alcancei em minha vida. 

 

Eu espero que você esteja lendo com muita atenção para não perder isso. Preste bastante atenção.

 

Nesta etapa da minha vida, a minha maior missão é fazer todo o possível para ampliar o meu propósito, pois acredito sinceramente que a expansão da fotografia do bem pode alterar a realidade de toda uma geração. 

 

Por isso estou totalmente envolvido neste novo projeto, quero realmente fazer com que uma quantidade muito grande de famílias tenha acesso à fotografia do bem, que tanto benefício traz aos pais e filhos. 

 

É por isso que resolvi desenvolver e treinar fotógrafos para fazerem a mesma coisa que eu fiz nos últimos 10 anos: VIVER MUITO BEM DA FOTOGRAFIA!   

 

Pense um pouco sobre isso.

 

Vejo muitas pessoas que querem mudar de emprego, de carreira, que querem ganhar mais para dar mais conforto para sua família e também pessoas que já estão na área da fotografia, mas ainda patinam muito e não conseguem decolar na área.

 

Também vejo pessoas que tem esse desejo de viver da fotografia, fazem vários cursos, tentam entrar na área várias vezes, mas nada de se firmar no mercado, de ter clientes fiéis que valorizaram o seu trabalho.

 

Certa vez atendi um vizinho em minha casa que queria ser fotógrafo e tinha acabado de fazer um baita investimento em props, acessórios, cenários, fundos, luzes, etc. Também acabara de comprar uma câmera novinha que ele me trouxe para ver qual era o defeito dela “porque em todas as fotos aparecia uma mancha escura”. 

 

Eu pensei um pouco e disse para ele: “Pegue a câmera e tira uma foto para eu ver”. Quando ele fez o clique, eu fiquei até com vergonha de dar o diagnóstico: o cara estava colocando o dedo na frente da lente! 

 

É muito louco isso, o mundo está cheio de pessoas que pensam assim, que basta ter as coisas para se tornar profissional, como se isso fosse um super poder! É como se o fato de eu ter a raquete do Rafael Nadal me tornasse um tenista tão bom quanto ele.

Agora imagine o que teria acontecido a esse rapaz se, como num passe de mágica, ele tivesse acesso a toda experiência e conhecimento que acumulei nessa área ao longo dos últimos 10 anos?

E não somente acesso ao meu método, mas também a todos os segredos e macetes que ninguém tem coragem ou vontade de contar? 

 Quanto tempo ele iria ganhar na sua jornada? 

Quantas cabeçadas ele iria evitar?

Qual seria o rumo de sua vida de agora em diante?   

Eu te ajudo a construir uma carreira de sucesso na fotografia e você me promete propagar essa Fotografia do Bem para os seus clientes.

Porque eu gosto de ajudar as pessoas a fazerem sucesso. Ponto.

Lembro de quando eu alcancei o meu primeiro sucesso na fotografia. Fiquei tão entusiasmado que falava para quem pudesse ouvir que todas as pessoas com foco e com o método correto são capazes de acertar.

Uma das coisas mais incríveis dessa jornada é que em 10 anos de trabalho ininterrupto, colhi 10 anos de lucros todos os meses! Isso mesmo, desde o comecinho lá na sala de casa, até hoje, a minha empresa sempre esteve no azul e com uma generosa reserva de caixa. Acredito que esse é um feito para poucos, mas também pode ser para você!

Eu me lembro perfeitamente do dia em que , olhando a agenda completamente lotada, tanto a minha quanto a da minha equipe, tive um insight: “Preciso retribuir todas essas bênçãos que tenho obtido com a fotografia”. 

E, de lá para cá, tenho ajudado centenas de fotógrafos a mudarem de patamar e sempre fico muito orgulhoso de ver tantas pessoas transformando a sua carreira.

Como, por exemplo, a Paula, uma aluna minha que quando entrou no meu treinamento mal sabia fotografar e hoje, após 1 ano, está muito feliz com a agenda lotada e cobrando mais que o dobro da maioria dos fotógrafos da sua cidade.

Talvez você não seja tão apaixonado por ajudar as pessoas, mas com certeza você está comprometido em fazer a sua empresa crescer. Porque esse é o primeiro ponto, entender que você, tendo funcionários ou não, é uma empresa.

Então eu quero te fazer uma proposta: que tal eu te orientar e explicar exatamente tudo o que você precisa fazer para levar sua empresa de fotografia para o próximo nível? E você me promete que, quando chegar lá, vai desfrutar mais a sua vida!

Parece um bom negócio?

Muitos alunos me perguntam se essa área de fotografia de gestantes, recém-nascidos e família tem espaço suficiente para todos que querem ser  fotógrafos.

Eu digo: É claro que tem! No Brasil, segundo o IBGE, nascem 3.000.000 bebês todos os anos, ou seja, todos os anos temos 3 milhões de grávidas e 3 milhões de bebês! Acho que esse número por si só já responde essa pergunta, não é mesmo?

 Existem fotógrafos que estão carregando o mundo nas costas, matando um leão por dia, lutando para pagar suas contas, enquanto outros vivem uma vida de agenda lotada, felizes e bem pagos. E você? Quem você quer ser?

 

O que você precisa entender é que se você tem um especialista que começou do zero, passou por todas as etapas e venceu as dificuldades, já faturou milhares de reais fotografando, que já ajudou dezenas de pessoas comuns a se tornarem grandes profissionais e que pode te ajudar a ir para o próximo nível, por que você iria correr o risco de deixar o seu sonho de viver bem da fotografia ir para o abismo?

 

Até chegar ao ponto de poder vender o meu restaurante, mesmo eu ganhando muito dinheiro, tive que passar por todas as etapas de aprendizado do negócio da fotografia. 

 

Tudo foi na base da tentativa, erro e acerto e todos sabem que as coisas demoram para evoluir deste jeito. Muitas pessoas desistem muito antes de chegar lá.

 

Graças a Deus, eu consegui ter a persistência necessária para ultrapassar essa fase inicial e, após ter criado um método de sucesso e tê-lo testado na prática no meu estúdio, minha vida alcançou um nível que eu jamais poderia pensar, sonhar ou imaginar!


Quando decidi morar na Europa, tomei uma decisão: decidi que me dedicaria integralmente ao Ensino da Fotografia ajudando as pessoas alcançarem o sucesso, para que mais profissionais possam ter uma vida plena e abundante fotografando. 

Para que eu possa te ajudar, preciso que você faça uma coisa: prometa para si mesmo que, a partir de hoje, você estará comprometido de uma vez por todas a viver da fotografia com abundância e alegria, com toda prosperidade que você merece ter!

“Mas, Roni, esse método funciona mesmo? Será que vou conseguir aprender de verdade? Já fiz vários workshops, comprei vários cursos e fico com um pé atrás com essas promessas.”

O meu método foi desenvolvido em cima de 10 anos de experiência prática e continua sendo aprimorado todos os dias. Tudo que vou ensinar já foi testado e aprovado ao longo desses anos dentro do meu estúdio em milhares de sessões realizadas.

Esse é o grande diferencial, você vai aprender com quem já fez 8 sessões por dia fotografando sozinho, das 07h às 17h, com meia hora de almoço, cobrando mais de R$ 2.000,00 por sessão. 

Preste atenção, uma coisa é você aprender com uma pessoa que viveu todo o ciclo profissional de um fotógrafo de sucesso, desde a fotografia na sala de casa até ter a agenda lotada cobrando bem por seu trabalho e que já atingiu grande prosperidade e reconhecimento de seus clientes, outra coisa é aprender com quem nunca viveu isso na prática ou que ainda está começando na fotografia.

Outro ponto importante do meu método: você vai perceber que assuntos normalmente complexos vão se tornar simples e fáceis de aprender, porque gosto de explicar de uma forma que qualquer pessoa, mesmo que nunca tenha fotografado na vida, consiga entender e aprender. 

Com certeza, agora você deve estar curioso para saber mais sobre o meu método e porque ele é tão diferente.

Estamos falando de estratégias ultra-avançadas que irão duplicar ou triplicar os seus resultados, primeiramente porque este é um método completo, e não importa em que ponto da sua carreira você esteja, este é um curso de “A a Z”, ou da fotografia na sala de casa até o mais top dos Estúdios.

 

Aqui está o que eu vou fazer por você na prática:



Você terá acesso à tudo que sei sobre técnica, iluminação, composição e direção para fotografia de família.

Tanto para que  está começando ou mesmo para que já fotografa à bastante tempo, o meu método de FOTOGRAFIA MESTRE vai fazer com que as suas fotos saiam da câmera praticamente prontas para postar ou entregar ao cliente.

O grande diferencial aqui são as técnicas que uso para que as fotos fiquem perfeitas logo de cara, sem precisar de tanto pós tratamentos.

Você aprenderá a fazer fotos perfeitas que enchem os olhos do seu cliente e isso é o que importa. É muito diferente de ficar tentando fazer fotos para ganhar concurso ou fotos para impressionar os outro fotógrafos.



 Você vai aprender a vender o seu trabalho e mais que isso, vai aprender como fiz para ficar famoso e reconhecido pelas minhas fotos:

No nosso módulo de VENDAS DE VALOR, você vai aprender várias estratégias de vendas para fazer o seu negócio decolar o faturamento. Eu entendo que cada região tem o seu mercado com características próprias vou te ensinar qual estratégia é melhor para cada mercado.

Você terá aulas avançadas de vendas, marketing, de divulgação e de atendimento, com valiosas dicas para você colocar em prática no mesmo dia e ver o resultado já na próxima semana!

Você vai aprender como precificar o seu trabalho, enviar orçamentos e a fechar os contratos!

Vai aprender também tudo sobre divulgação: as melhores forma de divulgar você e o seu trabalho e como conquistar clientes fiéis que voltarão sempre!

Aprenderá o passo a passo de como se tornar um fotógrafo famoso e reconhecido pelo seu trabalho, tornando-se uma autoridade, uma referência na sua região!

 

O meu método de entrega ENSAIO PERFEITO vai otimizar o seu "tempo de sessão", ou seja, acabaram as sessões demoradas e inseguras. Além disso você vai aprender a padronizar o seu trabalho, a organizar as sessões de forma que tudo funcione como um relógio e todas elas tenham a mesma qualidade.  Você vai escalar o seu negócio, ou seja, vai fazer mais sessões em menos tempo, vai poder cobrar mais pela sessão, vai ter mais clientes e vai deixar o seu cliente mais satisfeito, e isso quer dizer que você também será mais reconhecido e requisitado. E, obviamente, você vai aumentar muito o faturamento e a lucratividade do seu trabalho. 

 

Vou te ensinar a organizar a gestão do seu estúdio: Com o meu método ESTÚDIO EFICIENTE você vai aprender como controlar as finanças, como lidar com os clientes, como entregar as fotos, como cobrar dos clientes, como controlar a sua agenda, enfim, você aprenderá como ter um fluxo de trabalho altamente eficiente.

 

R$1.991 EM BÔNUS, Treinamentos, Processos e Modelos Prontos. 

BÔNUS 1: Para dar uma força na sua jornada, vou te dar acesso inteiramente grátis aos cursos “Book Gestante Completo”.  

É fundamental na área de fotografia de família saber como fazer um ensaio de gestante bem feito e esse maravilhoso material contém todas as dicas que farão o seu nível subir muito! 

Esses dois cursos tem o valor total de R$ 497,00, mas sairão de graça para você!

BÔNUS 2 : Você terá acesso ao nosso treinamento exclusivo chamado "Sono Perfeito"

Feito para definitivamente ensinar a técnica mais top, mais ninja para você fazer o recém-nascido dormir como um anjo e, principalmente, como manter esse soninho durante a sessão inteira! 

Uma vez que você faça esse curso e aplique tudo o que eu vou te ensinar, de uma coisa você pode ter certeza: você vai impressionar tanto os pais que eles vão te implorar para saber como é que você faz este milagre.  

Esse curso é vendido por R$ 997,00, mas se você tomar a decisão de seguir o nosso método e trilhar o nosso caminho, vou presenteá-lo a você como um BÔNUS, ou seja, você não vai pagar NADA por ele.

BÔNUS 3: Você terá acesso ao nosso curso “Tratamento avançado de imagem para Newborn”

Com esse conhecimento, você será capaz de transformar suas imagens em fotos perfeitas de fazer qualquer um cair o queixo, de uma forma super simples e rápida e com poucos cliques. O valor deste curso é de R$ 497,00, mas você não pagará nada por ele! 

Agora eu quero te explicar como o curso Newborn PRO vai funcionar…

Esse programa está dividido em módulos e cada módulo terá uma quantidade de vídeo-aulas online, materiais de apoio quando necessário e tudo isso vai estar dentro do Portal do Aluno. 

Durante 1 ano você poderá acessar esse portal pela internet na hora que quiser e de onde estiver. Ele tem um layout responsivo projetado para se adaptar a computadores, celulares e tablets através de seu login e senha. 

Benefícios do produto

 

Ainda não acabou! Vamos poder interagir num Grupo Secreto no Facebook para conversarmos exclusivamente sobre fotografia de família. Lá você poderá tirar as suas dúvidas e dividir suas conquistas comigo e com os demais alunos. 

 

Eu sei da dificuldade de se conseguir informações sobre contratos e autorizações, então também vou te passar todos os meus modelos de contratos e de autorizações - acho que não dá nem para dizer quanto vale isso, né?

 

Teremos ainda duas palestras on-line somente para os alunos do curso, onde você poderá tirar todas as suas dúvidas!

 

Agora você deve estar imaginando qual será o valor desse investimento. 

 

A minha promessa na chamada dessa carta é para você gerar resultados de 10 à 15 mil por mês durante todos os meses do ano, que significa ganhar em média 120.000,00 por ano com fotografia e ainda ser valorizado pelo mercado com clientes que reconhecem o seu trabalho. 

 

Agora preste atenção. Deixe-me explicar melhor o motivo deste número: no meu estúdio em SP, aplicando exatamente tudo o que vou ensinar neste curso, alcançamos um faturamento anual de R$ 1.500.000,00. 

 

É lógico que eu demorei um tempo para chegar a esse patamar e não posso prometer que você atingirá esse valor, mesmo sendo totalmente possível você até ultrapassar isso. 

 

A minha proposta é que você se dedique a aprender e aplicar tudo o que vou te ensinar neste curso e, ao final dele, esteja pronto para fazer parte dos fotógrafos que possuem um Estúdio Lucrativo, ou seja, que faturam no mínimo R$ 120 mil ao ano, pois este é o valor que eu fazia no início da minha carreira, ainda na sala de casa, há 10 anos atrás.

Totalmente factível, você não acha? 

Quero que fique bem claro aqui que ser um Estúdio Lucrativo, é independente de ter um estúdio físico ou não. Todo fotógrafo é dono de uma empresa de fotografia, que eu chamo de estúdio. Qualquer fotógrafo que seguir o meu método ESTÚDIO LUCRATIVO estará de frente com a oportunidade de passar para o nível dos que faturam acima de 10 mil por mês e isso independe de ser atendimento na casa do cliente, em home office, em eventos ou em estúdio físico de fato. 

 

Teremos ainda duas palestras on-line somente para os alunos do curso, onde você poderá tirar todas as suas dúvidas!

 

Agora você deve estar imaginando qual será o valor desse investimento. 

 

A minha promessa na chamada dessa carta é para você gerar resultados de 10 à 15 mil por mês durante todos os meses do ano, que significa ganhar em média 120.000,00 por ano com fotografia e ainda ser valorizado pelo mercado com clientes que reconhecem o seu trabalho. 

 

Agora preste atenção. Deixe-me explicar melhor o motivo deste número: no meu estúdio em SP, aplicando exatamente tudo o que vou ensinar neste curso, alcançamos um faturamento anual de R$ 1.500.000,00. 

 

É lógico que eu demorei um tempo para chegar a esse patamar e não posso prometer que você atingirá esse valor, mesmo sendo totalmente possível você até ultrapassar isso. 

 

A minha proposta é que você se dedique a aprender e aplicar tudo o que vou te ensinar neste curso e, ao final dele, esteja pronto para fazer parte dos fotógrafos que possuem um Estúdio Lucrativo, ou seja, que faturam no mínimo R$ 120 mil ao ano, pois este é o valor que eu fazia no início da minha carreira, ainda na sala de casa, há 10 anos atrás.

Totalmente factível, você não acha? 

Quero que fique bem claro aqui que ser um Estúdio Lucrativo, é independente de ter um estúdio físico ou não. Todo fotógrafo é dono de uma empresa de fotografia, que eu chamo de estúdio. Qualquer fotógrafo que seguir o meu método ESTÚDIO LUCRATIVO estará de frente com a oportunidade de passar para o nível dos que faturam acima de 10 mil por mês e isso independe de ser atendimento na casa do cliente, em home office, em eventos ou em estúdio físico de fato. 

 

Ainda mais factível porque você vai entrar em um processo acelerado de crescimento, já que terá acesso a todos os meus métodos e formas de trabalhar que levaram anos para serem desenvolvidos.


Agora diga você mesmo: “Quanto poderia custar um investimento que pode me dar um retorno mensal de pelo menos R$ 10.000,00? O que farei com um rendimento desses? Viver mais tranquilo? Viajar mais? Cuidar mais da saúde, da família?”


Podemos dizer que um investimento desses custaria, fácil, fácil, 4 meses de faturamento ou R$ 40.000,00.  Mas fique tranquilo, porque o curso não vai custar tudo isso, na verdade, não será nem a metade desse valor.


Com o meu método ESTÚDIO LUCRATIVO, você terá acesso à chave que desbloqueia o faturamento do fotógrafo, ensinando à você como ir para o próximo nível e faturar de 10 à 15 mil por mês todos os meses do ano.


Isso sem se matar de trabalhar, sobrando tempo para curtir a família, viajar e ter uma vida dos seus sonhos! 


Esse faturamento mensal de R$ 10 mil por mês/média corresponde à apenas 10 sessões por mês à R$ 1000,00 cada ou 20 sessões à R$500,00 cada e isso é totalmente possível depois que você aprender tudo que vou te ensinar.


Agora eu vou escrever aqui esse sonho de forma clara e objetiva apenas para você vislumbrar o quão bom e gratificante é trabalhar com a fotografia da forma correta, isso sem falar no prazer e satisfação profissional que não tem preço:


Você poderá, com apenas 10 sessões de fotos por mês faturar R$ 120.000,00 por ano! Isso mesmo. 


Eu sei que quando você atingir esse nível, dificilmente vai querer parar por aí e, nesse momento, estarei aqui novamente para ajudá-lo a decidir sobre seu crescimento, porque gosto mesmo é de ajudar as pessoas a terem sucesso e serem felizes.


O investimento mínimo que nós, minha equipe e eu, pensamos ser justo para um curso desse nível e com esse poder de transformação é de R$ 5.000,00.

Porém, como quero acompanhar essa turma de perto (pode se preparar porque vou cobrar dedicação e empenho da sua parte, quero o seu contato, saber das suas dúvidas, quero ver o seu crescimento), vou fazer algo especial para os primeiros 100 alunos que se inscreverem no curso: o valor do investimento para você mudar de vida será de apenas 1997, à vista ou em até 12 vezes de 199,70!


Chegamos nesse valor porque minha equipe e eu acreditamos que após você dominar o meu método, você vai recuperar esse investimento em apenas um único ensaio!


E isso é plenamente real, basta entrar no meu site e ver o preço médio de um ensaio. 


Mas sendo mais conservador, vamos dizer, então, que você vai recuperar o investimento em apenas 4 ensaios cobrando R$500,00 por sessão!


Somente os Bônus que você irá ganhar somam

um total de R$ 1.991,00, ou seja, praticamente você ganha o valor integral do curso somente em bônus!


Então vamos lá: o que te separa de mudar de vida, ir para outro nível, ficar ao lado dos fotógrafos de sucesso que ganham muito dinheiro fazendo o que gostam é apenas R$ 199,70 por mês ou apenas R$ 6,67 por dia.

 

Vale o investimento? Bem, se desenvolver uma carreira de sucesso, ganhar muito bem fazendo o que se ama, ser reconhecido e ter uma vida próspera é algo importante para você, acredito que sim. 

 

Esses R$ 6,67 por dia podem gerar um retorno extraordinário para o resto da sua vida. 

 

Mas você precisa agir AGORA enquanto o link ainda está disponível.  

 

Não espere mais nenhum minuto e garanta sua vaga com desconto agora. 

“Mas, Roni, e se eu não me adaptar ao curso ou achar que não estou aprendendo?” 

 

Nesse caso, dentro de 30 dias, com um e-mail, você pode cancelar seu curso e eu devolvo o seu dinheiro sem multas, sem contratos que te prendem, sem letras minúsculas. Simples assim! O risco é todo meu! 

 

O máximo que pode acontecer é você cancelar o curso e ainda perder todos os bônus! 

 

Tenho um amigo fotógrafo de 10 anos atrás, da época que me formei em fotografia, que não quis saber dos meus conselhos e até hoje está adiando o seu sucesso, vive fazendo um biquinho aqui, outro ali, se arrastando na vida profissional, adiando seus sonhos e fazendo sua família sofrer junto com ele.

 

Mas tem também o Roberto, que há menos de 3 anos resolveu trilhar o nosso caminho, resolveu seguir nosso método e hoje está trabalhando em alto nível, totalmente realizado com sua vida profissional e familiar! 

 

Qual desses dois você quer ser? Vai adiar seus sonhos para amanhã ou vai começar a realizá-los ainda hoje? 

 

Sua Oportunidade de Seguir o Caminho para Viver a Vida dos seus Sonhos com a Melhor Profissão do Mundo Começa Hoje.

Eu conheço muitos fotógrafos que são mais inteligentes do que eu, conheço muitos que tem negócios maiores do que os meus, mas conheço poucos fotógrafos que tem o estilo de vida que eu tenho.

Eu moro na Europa, jogo tênis 3 vezes por semana, viajo para lugares fantásticos quase todos finais de semana, todos os dias busco minha filha  na escola, vou para o Brasil de 2 a 4 vezes por ano e meus colaboradores torcem para que eu esteja aqui na Europa porque temos uma brincadeira no estúdio, quando eu não estou lá, a empresa cresce mais!

Eu aprendi que não importa quanto você ganha, se isso te custar a sua alma. A conquista mais importante nesta jornada chama-se LIBERDADE e eu te digo: Se você tem muito tempo mas não tem dinheiro isso se chama falência, se por outro lado, você tem muito dinheiro, mas não tem tempo, isso se chama estupidez. A verdadeira liberdade é quando você tem tempo e dinheiro. E você, tem tempo e dinheiro?

Se você deseja trilhar esse caminho, de viver da fotografia, mas com qualidade de vida e dinheiro no bolso, provavelmente esse curso é para você.

Eu também acredito que cada um tem a sua jornada, você não precisa ficar se comparando com ninguém, apenas buscar os seus resultados. Mas o que eu vou te ensinar é uma estratégia onde seus clientes queiram fotografar com você, não porque é mais barato, mas por que você é o melhor da sua cidade.

E tem um caminho para conseguir isso que eu quero te mostrar.

É isso gente, não deixe o seu sucesso para amanhã, te espero do lado de dentro!

Um grande abraço!

Roni Sanches


© Universidade da Fotografia é uma Marca Roni Sanches.  Todos os Direitos Reservados.